Domingo, 21 de Novembro de 2004

O meu sono...

Ontem pela noite dentro quando fui dormir por volta das 2.00 horas da madrugada, e no meio de um sono nunca visto, veio-me à cabeça um turbilhão de pensamentos e sensações estranhas. De repente e já na cama, senti um vazio enorme como se algo de errado se passava comigo - tentei à pressa e no meio do sono procurar algo na minha vida passada que me fosse bom recordar...e então percebi tudo... só quando damos passos em frente, só quando somos audazes e só quando somos nós próprios e nos olhamos ao espelho e vemos o próprio olhar, só aí marcamos o nosso destino e poderemos abrir os braços ao futuro.

Adormeci e toda a noite tive pesadelos, vi-me inquieto, vi-me a fugir, tive medo, dei comigo a maltratar-me, tentei ir ao encontro de alguém que não conseguia ver o rosto, senti-me como no meio do deserto...

Mas há uma coisa que eu sei! É no deserto que somos obrigados a tomar decisões!

publicado por Paulo do Porto às 17:59
link do post | comentar | favorito
|
15 comentários:
De Anónimo a 2 de Janeiro de 2005 às 13:57
Que noite a tua! -Penso que temos sensações físicas e espirituais e que vc começou a vagar espiritualmente antes do teu corpo estar relaxado o suficiente para o repouso. Ocorre o mesmo qd se faz viagem espiritual sem o físico estar em descanso. Um fica em intercâmbio constante com o outro impedindo que o físico descanse e o espiritual viaje nos conformes. Acredito que qd o espiritual está devidamente pronto para a organização a que pertence ou anseia, não precisará mais do físico. Penso também que poucos tem a oportunidade de se lapidar dessa forma, com o dom da auto-lapidação. Eh vero que se nos graduarmos espiritualmente no físico conseguiremos adquirir uma sabedoria suficiente para sermos supostamente anjos. Mas para isso devemos nos livrar do medo que nos aflige em vários pontos da estrada da vida física ou espiritual. Tenho minha própria divagação e filosofia de vida, embora lendo este blog achei meio .. tipo assim.. a minha cara. "No acaso nos encontramos e no acaso nos perdemos" -É o ciclo.. é a vida.. e a net também, porque não.Marlene
</a>
(mailto:marleneverde@yahoo.com.br)
De Anónimo a 24 de Novembro de 2004 às 17:26
"Tentei ir ai encontro de alguém de que não conseguia ver o rosto"escreves. E quem será esse alguém que nos procura? Podemos considerá-lo como nós próprios, desesperadamente sós, mas também podemos ver Alguém que nos criou e nos ama, e cuja descoberta é muitas vezes difícil e dolorosa:Deus-Pai. Já pensaste nisso? Gostava de continuar esta conversa. Se quiseres responde para vmncl@hotmail.com. E que durmas melhor nas restantes noites, senão ficas doente!Vitor Costa Lima
(http://alfabeta.blogs.sapo.pt)
(mailto:vmncl@hotmail.com)
De Anónimo a 23 de Novembro de 2004 às 23:59
espero que durmas melhor nas próximas noites e que tenhas recebido os meus mails.Beijocamonica
(http://mco.blogs.sapo.pt)
(mailto:monicacarvalho1@sapo.pt)
De Anónimo a 23 de Novembro de 2004 às 13:10
Nada melhor que a nossa paz de espirito, não é mesmo?!Luciana
(http://www.tribaglobal.blogs.sapo.pt)
(mailto:lucianarmluciana@sapo.pt)
De Anónimo a 22 de Novembro de 2004 às 23:20
Ajuda sempre ter alguém que nos mate a sede nesses desertos.Lino Gomes
(http://pensamentosdiversos.blogspot.com/)
(mailto:lino_aliado@sapo.pt)
De Anónimo a 22 de Novembro de 2004 às 21:02
a noite é a melhor conselheira. nao ha melhor altura para reflecir... o problema depois sa as insonias mas pronto. beijossofia
(http://culturajovem.blogs.sapo.pt)
(mailto:omeublog1@sapo.pt)
De Anónimo a 22 de Novembro de 2004 às 16:12
Concordo contigo. Então porque diabo neste deserto que é Portugal ninguém toma decisões e ninguém assume a culpa de nada. Porra de mistério.
texto ta excelente.Barão da Tróia
(http://barao_da_troia.blogspot.com)
(mailto:baraodatroia@sapo.pt)
De Anónimo a 22 de Novembro de 2004 às 15:53
Tens de descer até ao fundo do poço para voltar ao de cimo!
Alex Hellraiser
(http://hellraiserinferno.blogs.sapo.pt/)
(mailto:hellraiser1@sapo.pt)
De Anónimo a 22 de Novembro de 2004 às 15:52
esses momentos sao muito importantes para organizar as ideias e tomar decisoesspeak_easy
(http://postas.blogs.sapo.pt)
(mailto:hmeira@hotmail.com)
De Anónimo a 22 de Novembro de 2004 às 02:00
Metaforicamente: procura te sempre um cantil de água para ajudar nas travessias ao deserto árido.Prodigy_
(http://apenascronicas.blogs.sapo.pt/)
(mailto:andrefilipe83@hotmail.com)

Comentar post

.pouco de mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 3 seguidores

.pesquisar

.Fevereiro 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Obviamente Nao

. ...

. Meguido

. Um mês diferente

. Mulheres Feministas

. Oásis

. deserto

. Espelho especial

. Tenhamos Fé

. 2º parte - provas que Jes...

.arquivos

. Fevereiro 2007

. Setembro 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Maio 2004

. Fevereiro 2004

. Janeiro 2004

.favoritos

. O animal humano

blogs SAPO

.subscrever feeds