Terça-feira, 29 de Março de 2005

Imagem de ontem é real

asaaa.gif



A foto CHOCANTE do post que publiquei ontem neste blog não é brincadeira! Tudo isto aconteceu no Estado de Santa Catarina ( Brasil) e foi noticiado em vários jornais brasileiros. O pequeno cão não morreu, porque o cérebro não foi atingido. Teve que ser operado para retirar 5 cm da lâmina. VEJA O POST ANTERIOR

publicado por Paulo do Porto às 20:22
link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito
|
Segunda-feira, 28 de Março de 2005

Uma imagem vale muito

 

             Cachorro_da_faca_004.JPG


Esta imagem chegou-me por uma amiga via email e é o símbolo da violência gratuita do que a espécie dos homens é capaz  de fazer aos animais inocentes por puro prazer, desporto, maldade ou tradição.

publicado por Paulo do Porto às 19:02
link do post | comentar | ver comentários (50) | favorito
|
Terça-feira, 22 de Março de 2005

Juventude satânica - toda a verdade

Eis, alguns trechos de uma entrevista dada por Pe. Gabriel Amorth à Revista «30 Giorni»


«O que sei sobre seitas satânicas chega-me por pessoas que, com enorme desgaste e com grave risco pessoal, decidem sair delas. Saem sempre extremamente marcadas, com influências diabólicas que lhes provocam grandes sofrimentos, precisando de exorcismo para serem libertadas. Quem decide sair das seitas satânicas vive num estado de grande terror. Na América, saem cadáveres, na Itália ainda não. Mas as seitas satânicas fazem malefícios, isto é, realizam rituais satânicos contra as pessoas que as abandonam.


 Pergunta: Acha que as seitas satânicas estão se difundindo muito na Itália?


R: Sim. Na Itália há entre seiscentas e setecentas. Trata-se de grupos muito pequenos, porque, assim, podem reunir-se com mais facilidade, tornando-se difícil descobri-las. Há  quatro grandes seitas satânicas na Itália. As outras são todas formadas por uma dezena de pessoas. Na Itália há uma grande difusão do satanismo que vai além das seitas e envolve um grande número de pessoas. Basta pensar no rock satânico. Não acuso a música do rock - o que seria ridículo. Mas há uma expressão dele, chamado rock satânico que apregoa o niilismo mais absoluto, combate a religião católica e qualquer ordem social. Ensina que tudo é permitido e que o indivíduo é deus. Isso leva a odiar a Igreja. Há, todavia, muitas outras formas de difusão do satanismo. Recentemente, vi um folheto na mão de uma jovem que ensina a consagração a Satanás e todos os modos de suicídio. O número de suicídios entre os adolescentes é cada vez maior. De resto, Deus é Deus da vida e Satanás é o senhor da morte. Santo Agostinho dizia que, se Deus não freasse o demônio, ele mataria a todos nós.


 Pergunta: Por que, justamente neste período, difunde-se tanto assim o satanismo?


R: Porque não encontram motivo para viver. Os jovens recebem tudo dos pais, excepto a fé. Quando a fé desaparece da vida de um povo, este abandona-se à superstição, ao ocultismo, principalmente nos nossos dias.


 Pergunta: Muitos têm imagens de seitas satânicas como um jogo...


R: Infelizmente é verdade. De facto, muitos entram para vencerem uma contrariedade, um aborrecimento. O ocultismo e o satanismo têm sempre despertado grande curiosidade. Fazem experiências de emoções novas, aprendem coisas novas que fascinam. Quem entra nas seitas satânicas tem atractivos de adquirir poderes que outros não têm. Satanás dá-lhes os seus dons: riqueza, prazeres e sucessos. As mesmas tentações apresentadas a Cristo. «Dar-te-ei o mundo inteiro se, prostrado, me adorares». Sabe-se que muitos, nos dias de hoje, se ajoelham diante de Satanás!


 Pergunta: Estamos diante de uma perigosa escalada do satanismo?


 R: Creio que sim. Há quem se horrorize ao ler estas coisas, mas há também quem se deixa atrair e quer imitar os exemplos. Hoje o satanismo é cada vez mais reclamado. Não é por acaso que estão aumentando os furtos de hóstias consagradas. É preciso dizer que os seguidores de Satanás acreditam na presença real de Cristo na Eucaristia mais do que muitos católicos.» Pe. Gabriel Amorth

publicado por Paulo do Porto às 20:29
link do post | comentar | ver comentários (23) | favorito
|
Sexta-feira, 18 de Março de 2005

Primavera

Naquele mês de Março tinha eu seis anos, o inverno nunca mais acabava. Raro era o dia em que não chovia. Tinham-me ensinado que a Primavera começava astronomicamente a 21 de Março e eu vivia na espectativa desse dia. Afinal garantiram-me que na Primavera o sol começava a brilhar, os dias ficavam mais quentes, os passarinhos cantavam felizes da vida e os campos enchiam-se de flores! O grande dia aproximava-se e não havia sinais de melhoras. No dia 20 de março abate-se um terrivel temporal sobre o norte de Portugal, a chuva e ventos ciclónicos são constantes ao longo do dia. Já de noite e em casa digo: Mãe, amanhã começa a primavera e vai estar sol. É claro que a minha mãe esclareceu que as coisas não são bem assim. Confesso que tive um " choque", mas disfarcei bem ... E se o choque foi grande, a desilusão ainda foi maior, porque eu já me tinha preparado para ver o nascimento da primavera.
A horas decentes fui dormir, um pouco desgostoso, contudo dormi bem.
Na manhã de 21 de Março sou acordado cedo para cumprir o dever de ir para a escola. Bem lá no fundo da minha alma eu continuava a acreditar que este era o dia que regressaria a primavera. Logo que acordo estranho o facto de ouvir o som dos pássaros com maior intensidade que o normal. A primeira coisa que eu faço é sair da cama a correr, abrir as persianas e olhar pela janela. O que vejo a seguir fica para sempre na minha memória: Chove... mas o sol também brilha e aparece o arco íris! As árvores de fruto ao longe brilhavam, brilho provocado pelo reflexo da luz do sol na água que escorria pelos ramos e pela primeira vez esse ano reparei que as árvores tinham flores ( mais visível pela intensa luz solar). Reparei também que algumas andorinhas cruzavam o céu. Pela primeira vez em muitos dias o sol apareceu e logo nesse dia . Foi um dia mágico! Afinal eu não me tinha enganado e a Mãe natureza não me quis enganar e ofereceu-me este espectáculo e o resto do dia o sol foi rei. Um tempo em que os sonhos ainda se concretizavam como nas histórias de encantar... compartilhei este momento único com a minha mãe e reparei que ela também estava deslumbrada...

E este ano de 2005? Será que a boa surpresa é o regresso da tão esperada chuva para regar os secos prados? Pois bem meus amigos, a partir do dia 20 regressa a chuva.
publicado por Paulo do Porto às 00:44
link do post | comentar | ver comentários (17) | favorito
|
Domingo, 13 de Março de 2005

A carta

Soube, ó César, que desejavas ter conhecimento do que passo a dizer-te. Há aqui um homem, chamado Jesus Cristo a quem o povo chama Profeta e os seus discípulos afirmam ser o filho de Deus. Realmente, ó César, todos os dias chegam notícias maravilhosas deste Cristo: ressuscita mortos, cura doentes e surpreende toda a Jerusalém. Belo e de aspecto insinuante, é uma figura tão magestosa que todos o amam irresistivelmente. O rosto moreno, com barba espessa dividida ao meio, é de uma beleza imcomparável. O olhar é profundo e grave, e as pupilas são dois raios de sol. Ninguém pode fitar-lhe o rosto deslumbrante. É o mais belo homem que imaginar se pode, muito semelhante a sua mãe, a mais bela figura de mulher que jamais por aqui se viu.
Diz-se que ninguém o viu rir. Algumas vezes o têm visto chorar... Faz-se amigo de todos e mostra-se alegre. Quando repreende apavora. Quando adverte chora. Na conversação é amável com todos. Se Tua Magestade, ó César, deseja vê-lo, avisa-me, que eu logo tu enviarei. Nunca estuda e sabe todas as ciências. No dizer dos hebreus nunca se ouviram conselhos semelhantes, nem tão sublime doutrina como a que ensina este Cristo. Muitos judeus o têm como divino e crêem nele. Também muitos o acusam a mim, dizendo, ó César que ele é contra a Tua Magestade porque afirma, reis e vassalos serem todos iguais diante de Deus. Ando apoquentado com estes hebreus, que pretendem convencer-me de que ele nos é prejudicial. Os que o conhecem e a ele têm recorrido afirmam que só têm recebido benefícios e saúde.
Estou pronto, ó César, a obedecer-te e cumprirei o que me ordenares. Vale.

Resumo da Carta de Públio Léntulo a Tibério César ( pouco antes de ser substituido por Pôncio Pilatos)
publicado por Paulo do Porto às 21:17
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|
Sábado, 5 de Março de 2005

O olhar

Eu lanço o olhar sobre ti e vejo o que mais ninguém vê
Porque o meu coração é feito da mesma massa que o teu
E as tuas pulsações estão ao meu ritmo

Eu vejo o que mais ninguém vê
Sei o que queres, desde sempre soube os teus desejos
Desejos de mulher com sonhos. Sonhos mortos...

O brilho do teu olhar apagou-se
Onde outros vêem felicidade, eu vejo amargura
A luz que alumia o teu rosto não é a minha luz

Eu conheço-te
O teu nome é ...
Os teus problemas são o desejo e a saudade

Eu estou onde sempre estive, em mim não há mudança
Vejo a tua alma
Tua alma de mulher sofredora que quer o amor



publicado por Paulo do Porto às 00:48
link do post | comentar | ver comentários (14) | favorito
|

.pouco de mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 3 seguidores

.pesquisar

.Fevereiro 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Obviamente Nao

. ...

. Meguido

. Um mês diferente

. Mulheres Feministas

. Oásis

. deserto

. Espelho especial

. Tenhamos Fé

. 2º parte - provas que Jes...

.arquivos

. Fevereiro 2007

. Setembro 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Maio 2004

. Fevereiro 2004

. Janeiro 2004

.favoritos

. O animal humano

blogs SAPO

.subscrever feeds